quinta-feira, agosto 21, 2008

Circunstâncias

Que ouse o insano
dizer que não és bonita.
Que ouse ele, ou o cego,
o idiota, o inumano.
Eu não. Que de mentiras
só sou dado às pequeninas.

***

Perguntas três, garota,
e três das que te ouço perguntar
melhor proveito fariam
ao surdo.

***

Doutor não sou;
gênio, jamais.
Sequer um nome
que sobreviva
aos séculos.

Mas quem a ti, Miguel,
os ouvidos dedica
e às palavras firmes
apõe o brilho de um 'bravo!'
concorre com feijões
uma vaga à raça
humana.

3 comentários:

Pamela Cabral disse...

hahahahaha!
olha que engraçado, eu ia MESMO deixar um msg escrito Perdeu! para vc...mas achei que não seria muito diplomático! =P

mas a gente resolveu IR SEMPRE no ünka! tipo, vai virar nossa sala de estar! ;)

=*

Daniel disse...

Circunstancial, como os poetae noui! =D

Daniel disse...

Ah, e boa sorte na mudança de tudo! hahaha