segunda-feira, abril 28, 2008

te vejo
e me projeto
na língua linda
que deves ter

volto
e de novo te vejo
e és uma marreta
que parte espelhos

Um comentário:

Adriana disse...

Não precisei esperar tanto tempo...
Sim, eu li todo!